Arquivo de março de 2020

Assistam ao vídeo!!! Marcial Lima recebe denúncia de roubo das pedras de mármore da Praça da Alegria

Postado por Caio Hostilio em 30/mar/2020 - Sem Comentários

Moradores do entorno da Praça da Alegria – Centro de São Luís,  procuraram o vereador Marcial Lima para denunciar o furto de várias pedras de mármore dos bancos de concreto deste importante logradouro público da capital maranhense.
As ações dos bandidos aumentaram nos últimos dias, com o vazio das  ruas centrais, por causa do Coronavírus.
“Comunicamos ao Comandante da Polícia Militar, Coronel Pedro Ribeiro, apresentando o vídeo encaminhado por um morador, que narrou os atos criminosos contra o patrimônio público de São Luís”, disse Marcial Lima.
A quadrilha já está sendo investigada e o vereador espera que todos sejam presos o mais rápido possível.

A mídia quatrocentona quer que todos os óbitos sejam por coronavírus!!! Assistam ao vídeo e vejam a comprovação de que o baiano não faleceu por coronavírus e hospital reconhece o erro!!!

Postado por Caio Hostilio em 30/mar/2020 - Sem Comentários

Essa mídia quatrocentona esconde o decreto do governador de São Paulo para que as causas mortes nos óbitos sejam por coronavírus… Escondem porque querem o pânico, a canalhice, a desinformação, a patacoada, pois perderam a dinheirama pública que iam para suas editorias!!! Que façam um exame cadavérico em todos que estão ditos por morte por coronavírus!!! Na verdade, estão usando esse vírus para fazer politicalhas!!! 

Reginaldo Jacinto da Silva teria sofrido um acidente em seu estabelecimento comercial, com um pneu de um caminhão tendo estourado em seu peito.

No dia 23 de março, o cidadão veio a falecer decorrente dessas complicações e por ter também adquirido a gripe Influenza, H1N1.

Entretanto, em seu atestado de óbito constou como causa de sua morte “Sindrome Respiratória Grave, Covid-19”.

A causa da morte, portanto, é falsa. O falecimento do borracheiro não teve nada a ver com o vírus chinês.

A deputada Bia Kicis postou a história e denunciou a falsidade em suas redes sociais.

Pois bem, o site UOL-Folha e a Revista Veja fizeram um grande estardalhaço denunciando a deputada como disseminadora de fake news.

Nesta segunda-feira (30), após fazer uma investigação completa sobre o assunto, inclusive fazendo com que uma equipe se dirigisse até a casa do falecido, em Recife (PE), Bia provou que quem divulgou fake news foram os veículos UOL e Veja.

Ou seja, a história é verdadeira, a morte do borracheiro não foi causada pelo Coronavírus, conforme se pode constatar no vídeo:

E para acabar com essa patacoada do jornalão quatrocentão Folha de São Paulo e da decadente Veja, o Hospital reconhece erro no caso do borracheiro

Veja, IstoÉ e UOL noticiaram que era uma Fake News e que os responsáveis deveriam ser processados…

Twitter e Facebook tiraram postagens e perfis do ar por divulgar o fato.

Pois bem….

Depois de muita pressão o hospital divulgou uma nota dizendo que se equivocou no laudo!

O borracheiro contraiu uma pneumonia em razão do estouro de um pneu de caminhão em seu tórax em janeiro que o deixou debilitado.

Ou seja, tudo começou com o estouro de um pneu!

Por Jornal da Cidade 

Médico denúncia a situação degradante da unidade de saúde de Presidente Juscelino

Postado por Caio Hostilio em 30/mar/2020 - 6 Comentários

Que os médicos dessa unidade façam chegar a Associação Médica Brasileira, conforme a “Está tudo sob controle para conter o coronavírus no Brasil!!! Associação Médica Brasileira recebeu 2,5 mil denúncias sobre falta de equipamentos. Fica evidente que uma unidade hospitalar não tem condições nenhuma de funcionamento.
Sr. Caio, sou médico da unidade de Presidente Juscelino que está caindo aos pedaços cheia de mofo e sucateada sem as mínimas condições de atendimento onde ainda temos que fazer partos e consultas ambulatoriais sem mesmo os EPIs mínimos como máscaras etc… 
Por favor nos ajude com essa denúncia pra chegar ao conhecimento do governo e da SES. 
Muito obrigado 
Tenha um bom dia

TV Assembleia inicia veiculação de videoaulas para alunos da rede pública de ensino

Postado por Caio Hostilio em 30/mar/2020 - Sem Comentários

TV Assembleia inicia veiculação de videoaulas para alunos da rede pública de ensino
As gravações das aulas estão sendo realizadas nos estúdios da TV Assembleia

A TV Assembleia (canal aberto digital 51.2/ 17 TVN) iniciou, nesta segunda-feira (30), a veiculação das primeiras videoaulas já produzidas para os estudantes das redes públicas estadual e municipais. A iniciativa é fruto da parceria entre a Assembleia Legislativa do Maranhão e o Governo do Estado, por meio da Secretaria Estadual de Educação (Seduc), como mais uma medida preventiva para a manutenção do isolamento social por conta do novo coronavirus

A ação tem ainda como objetivo garantir a continuidade do processo de aprendizagem dos alunos e a produtividade dos professores, após a suspensão das atividades escolares, determinada pelo governo como prevenção à COVID-19.

Os conteúdos referentes aos componentes curriculares do Ensino Fundamental e Ensino Médio serão veiculados, diariamente, pela TV Assembleia, Rádio Alema (www.radioalema.com) e Rádio Timbira 1290 AM, durante o período de suspensão das aulas.

A TV Assembleia está veiculando as aulas das 8h às 10h15, com reprise das 13h45 às 16h. Já as audioaulas estão sendo transmitidas pela Rádio Timbira, das 16h às 18h. Todo o conteúdo também ficará disponível para acesso, por meio do YouTube, nos canais TV Assembleia Maranhão, GovernoMA, Seduc Maranhão e TV Timbira.

O professor André Luís, que leciona as disciplinas de Filosofia e Sociologia, destacou a importância da iniciativa e da continuidade das atividades pedagógicas, ainda que não presenciais, principalmente para os estudantes que prestarão o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

“Nesse momento delicado pelo qual passamos, de paralisação total em função da pandemia, essa iniciativa é de fundamental importância para que os alunos não percam o ritmo de estudo”, disse.

Kristiano Simas / Agência Assembleia

Professor André grava aula de filosofia, no estúdio da TV Assembleia, para alunos do Ensino Médio da rede pública

Professor André grava aula de filosofia, no estúdio da TV Assembleia, para alunos do Ensino Médio da rede pública

Parceria

Durante o ato que consolidou a parceria, na última sexta-feira (27), com a presença do secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão, e do diretor de Comunicação da Alema, jornalista Edwin Jinkings, o presidente da Assembleia, deputado Othelino Neto (PCdoB), ressaltou a importância do esforço conjunto entre os Poderes, nas mais diversas áreas, para amenizar os efeitos desse momento de crise sanitária.

“É uma colaboração muito importante para que os alunos, que infelizmente não estão podendo frequentar as escolas em razão da pandemia do coronavírus, possam ter acesso ao conteúdo e, assim, a comunidade escolar permaneça mobilizada, fazendo com que os prejuízos sejam menores”, enfatizou.

Felipe Camarão agradeceu o Legislativo por disponibilizar a estrutura do Complexo de Comunicação da Casa para a gravação das videoaulas, em mais uma ação de combate à COVID-19. “Agradecemos imensamente a todos os deputados estaduais, na pessoa do presidente Othelino, que, mais uma vez, demonstra o seu espírito público, trabalhando, efetivamente, em benefício do povo do Maranhão”.

“Estamos todos empenhados em colaborar, da melhor forma possível, para superarmos essa crise sanitária que o país vive, com medidas contra o avanço da pandemia de coronavírus em nosso estado”, completou Edwin Jinkings.

Está tudo sob controle para conter o coronavírus no Brasil!!! Associação Médica Brasileira recebeu 2,5 mil denúncias sobre falta de equipamentos

Postado por Caio Hostilio em 30/mar/2020 - 1 Comentário

A Associação Médica Brasileira (AMB) recebeu até ontem 2.513 denúncias sobre falta de equipamentos de proteção individual, os chamados EPIs, contra o novo coronavírus.

Álcool em gel é reclamação de mais de um terço das denúncias e máscaras faltam em quase 90% dos estabelecimentos denunciados.

Óculos (72%), capote impermeável — uma espécie de jaleco — (65%), gorro (46%) e luvas (27%) são os itens que mais faltam em hospitais e unidades de saúde.

“Não podemos pedir empenho, desprendimento e dedicação aos médicos na luta contra esse inimigo invisível se não dermos as condições de proteção e segurança de que necessitam”, afirma Diogo Sampaio, vice-presidente da AMB.

O estado de São Paulo é a unidade da federação que teve o maior número de denúncias (855) e também o maior número de municípios denunciados (109).

As outras oito cidades com mais queixas são Rio de Janeiro (148), Porto Alegre (128), Brasília (73), Belém (63), Belo Horizonte (48), Recife (36), Teresina (31) e Campo Grande (31).

“O quadro é grave e não podemos ficar de braços cruzados. Precisamos mostrar onde os médicos estão ficando expostos e pressionar as autoridades para resolver os problemas o mais rápido possível, pelo bem da população brasileira e dos médicos que estão na linha de frente”, alertou Lincoln Ferreira, presidente da AMB.

Câmara de São Luís: Após tomar providências de contenção ao coronavírus, Osmar Filho anuncia nova sessão virtual para amanhã (31)

Postado por Caio Hostilio em 30/mar/2020 - Sem Comentários

O presidente da Câmara Municipal de São Luís, vereador Osmar Filho, segue junto com os parlamentares da Casa, no compromisso de combater o coronavírus.

Foram tomadas várias medidas estratégicas para cuidar da população, parlamentares e funcionários do parlamento durante este momento delicado. Uma delas, foi a suspensão dos trabalhos presenciais. Além do repasse de R$3,1 milhões para fortalecer a saúde através de emenda coletiva sendo destinado R$100 mil por vereador.

Foi realizado ainda  uma nova antecipação dos salários dos servidores da Casa que contribuiu para o amparo das famílias. Tendo em vista a necessidade do isolamento social , foram implementadas pelo presidente Osmar Filho, a realização de sessões extraordinárias remotas.

Esses encontros virtuais estão sendo transmitidos ao vivo pelo YouTube da Câmara Municipal. A próxima sessão está agendada para esta terça feira, 31. Na pauta, uma audiência pública com a secretaria da Criança e Assistência Social (Semcas), Andréia Lauande.

Presente de aniversário: Hildo Rocha e prefeito João Igor entregam ambulância para população de São Bernardo

Postado por Caio Hostilio em 30/mar/2020 - Sem Comentários

São Bernardo completou 82 anos de emancipação política, neste domingo. Não Houve festa, em razão da crise do coronavírus. Mas, a população do município comemorou a chegada de uma ambulância Toyota 4 X 4, presente valioso que foi entregue pelo deputado federal Hildo Rocha e pelo prefeito João Igor, neste final de semana. O veículo foi financiado com recursos públicos federais de emenda parlamentar impositiva de Hildo Rocha.

“Graças a deus a gente tem deputado federal que verdadeiramente tem compromisso como nosso município e com o Maranhão. Essa é a segunda ambulância que o deputado Hildo Rocha viabilizou para São Bernardo por meio de emenda parlamentar de sua autoria. Esse veículo é importantíssimo porque irá ajudar a salvar vidas”, destacou o prefeito João Igor.

Veículo adequado à realidade da região

O deputado Hildo Rocha enfatizou a robustez do veículo entregue, que é ideal para a finalidade à qual se destina. “É uma ambulância 4×4 a diesel, da marca Toyota que aguenta o tranco aqui na região, é o melhor veículo para trabalhar aqui como ambulância. É uma ambulância que é vai durar muito tempo, pois é resistente, é o tipo da ambulância que cumpre a sua missão, transporta o paciente com a segurança da chegada”, afirmou Hildo Rocha.

Ajuda para modernização do hospital municipal

Acompanhado do prefeito João Igor e do secretário municipal da Saúde, Haroldo Tobias, Hildo Rocha visitou as obras de requalificação e modernização do hospital municipal, Felipe Jorge. Na ocasião, o deputado lembrou que o prefeito desistiu de esperar ajuda do governo estadual e está fazendo a obra só com recursos municipais.

“O Governo do Estado ficou de ajudar na reforma e modernização do hospital. Mas a ajuda nunca chegou. Então, o prefeito decidiu tocar a obra apenas com recursos próprios do município. Porém, ele está enfrentando grandes dificuldades, porque a vontade do João Igor esbarra na realidade, as prefeituras estão com dificuldades financeiras, por isso, eu assumi o compromisso de colocar recursos de emendas de minha autoria para ajudar o João Igor poder entregar para a população de São Bernardo um hospital moderno, com novas instalações e novos equipamentos”, afirmou Hildo Rocha.

https://youtu.be/6fwvV38teCw

http://hildorocha.com.br/site/presente-de-aniversario-hildo-rocha-e-prefeito-joao-igor-entregam-ambulancia-para-populacao-de-sao-bernardo/

https://bit.ly/2yhuisR

Se preparem para o isolamento permanente!!! SUS se prepara para receber ‘três epidemias’, fora o coronavírus

Postado por Caio Hostilio em 30/mar/2020 - Sem Comentários

Agora que a vaca vai pro brejo!!! Será que veremos um isolamento permanente no Brasil? Tudo leva a crer que os governadores irão ver em suas estratégias de que o isolamento daqui pra frente será eterno… Nunca se livraram desas epidemias e olha que esqueceram a H1N1… Na matéria “Qual é a peste que mais mata no mundo? E quem luta por essa causa?“, verifica-se que o  sarampo matou 6 milhões de por ano até 1963 e continua matando… E a dengue? E a gripe comum, que sequer conseguem vacinar todos os idosos? 

Além do coronavírus, autoridades de saúde ainda têm de se preocupar com registros de dengue, gripe e sarampo

À espera de uma escalada ainda maior de casos do novo coronavírus, as autoridades de saúde ainda têm de se preocupar com registros de alta de doenças já conhecidas, como dengue e influenza. Epidemiologistas e gestores do Sistema Único de Saúde (SUS) afirmam que o País terá de enfrentar ao mesmo tempo “três epidemias” nos próximos meses.

Apenas até 21 de março, o País teve 441,22 mil casos de dengue, acima dos 273,19 mil registrados no mesmo período do ano passado. Em 2018, foram 71,52 mil casos neste intervalo. Há ainda 120 mortes confirmadas e 188 em análise para dengue neste ano. No ano de 2019, o Brasil registrou 1,54 milhão de casos de dengue. O número só é menor do que o de 2015 – 1,7 milhão.

Apesar de muito menos letal do que a covid-19, a doença tem alta incidência e exige esforços de autoridades de saúde, hoje pressionadas pela pandemia. Autoridades também alertam para o provável pico simultâneo de casos de influenza, como H1N1, e do novo coronavírus. “Teremos coronavírus, que é uma novidade, teremos influenza, que é uma rotina, todo ano acontece, e teremos também o pico de dengue. Aproveitem que estão em casa e limpem o quintal, eliminem focos de dengue e vacinem-se”, disse na quinta-feira o secretário nacional de Vigilância em Saúde, Wanderson Oliveira.

O Ministério da Saúde informa que já regularizou a distribuição de insumos necessários, como inseticidas, para o controle do Aedes aegypti, mosquito transmissor de dengue, zika e chikungunya. A pasta também fez a compra de kits de diagnóstico da dengue para todos os Estados.

Para Denise Valle, bióloga pesquisadora do Instituto Oswaldo Cruz, da Fiocruz, os casos de dengue no País flutuam. Os anos com altas podem ser explicados pela volta de um dos quatro subtipos da doença no País. Desde o fim de 2018 o subtipo 2 está sendo registrado. Ele não era observado desde 2008.

A bióloga aponta ainda alto número de casos de chikungunya no Brasil. “Faz muitos casos graves, penosos, que se estendem por muito tempo”, diz ela. Até 21 de março foram notificados 12.696 casos. Só o Estado do Espírito Santo concentra 22% dos pacientes; a Bahia, 21,4%; e o Rio, 19,5%. Neste intervalo foram confirmadas 3 mortes e outras 18 estão em investigação para a doença. “Aproveitem que estão em casa, vamos fazer o dever de casa: prevenção do Aedes. De cada dez criadouros (do mosquito), oito estão na nossa casas”, afirmou Valle.

Gripe. O pico de casos do novo coronavírus deve coincidir com a queda de registros de dengue, doença de maior incidência no verão, afirma Jair Ferreira, professor titular de Epidemiologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Ele diz, porém, que as altas da covid-19 e da influenza devem coincidir. “Por isso é extremamente importante a vacinação contra a gripe. Para evitar que haja mais casos graves. Ainda evita que se tenha duas infecções.” Até 14 de março, fora do período de pico para síndromes gripais, o Ministério da Saúde relata 165 casos e 13 óbitos por influenza A (H1N1), 139 casos e 14 óbitos por influenza B e 16 casos e 2 óbitos por influenza H3N2. Juntas, elas somaram 320 casos e 29 óbitos. No ano passado inteiro, o País registrou 5,8 mil casos e 1.122 óbitos pelos três tipos de influenza, que podem ser evitados pela vacinação.

Sarampo. Além destas três enfermidades, o sistema enfrenta doenças como o sarampo, que já matou 4 pessoas neste ano, após 20 anos sem óbitos no Brasil. Até o começo de março foram notificados 4.971 suspeitas, sendo confirmados 909 casos. Há dez Estados com circulação ativa do vírus e São Paulo tem quase um terço dos pacientes. No caso, a vacinação é a única forma de evitar o contágio. As quatro mortes registradas (uma no Rio, outra em SP e duas no PA) foram de crianças de 5 a 18 meses.

O presidente do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), Alberto Beltrame, afirma que o SUS está acostumado a enfrentar mais de uma doença em alta. Os gestores, diz ele, estão sob alerta para que o apoio à covid-19 não deixe pacientes de outras enfermidades desassistidos. Segundo Beltrame, a ideia é aproveitar a sensibilidade da população para a vacina contra a gripe, em meio à pandemia, para também imunizar pessoas abaixo de 60 anos do sarampo.

Qual é a peste que mais mata no mundo? E quem luta por essa causa?

Postado por Caio Hostilio em 30/mar/2020 - 1 Comentário

Essa história de peste e pandemia assola os seres humanos há centenas de séculos afins, porém a fome é a pior delas!!!

É histórico que as epidemias e pestes dizimaram grande parte da humanidade, porém a fome é a que mais aniquila a espécie humana e outras espécies.

A peste bubônica ganhou o nome de peste negra por causa da pior epidemia que atingiu a Europa, no século 14. Conhecida desde a Antiguidade, teve sua primeira epidemia global em 1817. A tuberculose matou 1 bilhão de pessoas entre 1850 e 1950. A varíola matou 300 milhões de pessoas entre 1896 a 1980. A Gripe Espanhola deixou 20 milhões de mortos entre 1918 a 1919. O Tifo deixou 3 milhões de mortos entre 1918 a 1922. A febre Amarela 30 mil mortos. O sarampo matou 6 milhões de por ano até 1963. A malária matou 3 milhões por ano desde 1980. a AIDS já deixou 22 milhões de mortos desde 1981. 

Ainda tem a Gripe Asiática, denominada H2N2, apareceu na China em fevereiro de 1957. Seis meses depois, tinha se estendido para todos os continentes. Uma segunda onda da infecção surgiu em 1958. Mais de um milhão de pessoas morreram.

A Gripe de Hong Kong H3N2, surgiu na China, em julho de 1968 e passou para Hong Kong, para depois chegar aos EUA, Europa, Sudeste Asiático, Japão, América do Sul e África. Entre um e três milhões de pessoas morreram.

E a famosa “Epidemia de H1N1” que já fazem dez anos que assola os seres humanos… No Brasil ela continua matando centenas de pessoas por ano.

MAS A MAIS LETAL ENTRE TODAS AS PESTES É A FOME, QUE A CADA 4 SEGUNDOS MATA UMA PESSOA NO MUNDO!!! 

O QUE FAZER DIZIMAR ESSA PESTE TÃO LETAL AO SER HUMANO? SAI MILÊNIO, ENTRA MILÊNIO E ESSA PESTE CONTINUA MATANDO MAIS QUE TODAS AS PANDEMIAS JUNTAS!!!

Que coisa, hein? Rio investiga 47 mortes… O coronavírus é o vilão da mortes do momento!!!

Postado por Caio Hostilio em 30/mar/2020 - Sem Comentários

Quem matou: O vilão coronavírus

O Rio de Janeiro investiga 47 mortes suspeitas de terem sido causadas pelo novo coronavírus, segundo O Globo. Logo pelo O Globo, que espera ansioso para publicar o aumento de casos e mortes!!!

Então, é preciso testar vivos e mortos? Mas por que não vinham fazendo isso? Seria para trazer pânico ao povo?

E como estão os índices de morte por motivos naturais, por doenças como câncer e, principalmente, as oriundas da criminalidade que sempre assolou os brasileiros?

NÃO TEM MAIS MORTES POR ESSES MOTIVOS NO BRASIL, TODAS SÃO ORIUNDAS DO CORONAVÍRUS E PRONTO!!!

Busca no Blog

Arquivos