Bolsonaro deve cumprir a decisão esdrúxula e monocrática de Marco Aurélio ou seguir constitucionalmente o orçamento aprovado pelo Congresso Nacional?

Publicado em   29/abr/2021
por  Caio Hostilio

Seriam figuras decorativas à frente de puxadinhos do STF?

Corre pelos quatro cantos do Brasil que tanto o Poder Executivo quanto o Poder Legislativo se tornaram puxadinhos dos anseios e vontades dos 11 ministros do STF que estão ali sem nenhum voto dos brasileiros. Esses ministros determinam tudo e sequer buscam a própria Constituição para se guiar, apenas agem de acordo com suas  vontades políticas.

A decisão monocrática e esdrúxula de Marco Aurélio – após o pedido de Flávio Dino, que governa o Estado com os piores índices-, em exigir que o governo cumpra o Censo 2021 vai de encontro ao que foi aprovado pelo Congresso Nacional (513 deputados e 81 senadores – eleitos pelo povo para representá-los), cuja dotação orçamentária aprovada leva ao cancelamento do Censo-2021. Logo se o presidente Jair Bolsonaro acatar a decisão monocrática e esdrúxula de Marco Aurélio, estará dando uma pedalada.

Quem dita tudo nesse país são os 11 ministros do STF, ficando o presidente da República e os integrantes do Congresso Nacional como figuras decorativas e devem baixar a cabeça e acatar… Essa onda de que se deve acatar qualquer decisão judicial está levando o Brasil a bancarrota.

No Brasil os valores estão tão invertidos, que vemos os maiores ladrões do mundo, segundo o Google, serem soltos, enquanto os que criticam as presepadas do STF serem presos e declarados bandidos.

O Brasil está entrando num caminho sem volta, ou seja, uma bagunça generalizada. onde se ver uma CPI sendo comandada por corruptos!!!

HARMONIA ENTRE OS PODERES? ISSO É BRINCADEIRINHA!!! O QUE SE VER SÃO OS PODERES EXECUTIVOS E LEGISLATIVO SE TORNANDO AINDA MAIS PUXADINHOS DOS 11 MINISTROS DO STF!!!

POBRE BRASIL… QUE PAÍS É ESSE???

  Publicado em: Política

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

PUBLICIDADE

Busca no Blog

Arquivos