Acredite se quiser!!! Médico receita tomar sorvete e jogar Free Fire a menino com dor de garganta, diz mãe

Publicado em   30/maio/2023
por  Caio Hostilio

Médico receita tomar sorvete e jogar Free Fire a menino com dor de garganta, diz mãe

O médico Marcos Wesley Silva prescreveu sorvete de chocolate e o jogo online “Free Fire” para um menino de 9 anos que foi levado pela mãe à UPA Jardim Conceição, em Osasco, na região metropolitana de São Paulo. A receita seria o sonho de muitas crianças. O problema, diz a mãe, é que o menino estava com sintomas gripais e dor de garganta.

“Ele tinha vários sintomas gripais, muita tosse, dor de garganta e estava vomitando. O que me assustou mesmo foi o vômito. Ele começou a vomitar bastante”, afirmou Priscila da Silva Ramos ao Metrópoles.

Segundo ela, o filho começou a passar mal entre os dias 17 e 18 de maio. No dia 18, ela levou o menino até a UPA. A mulher diz que o médico não o examinou.

“Eu cheguei lá com meu filho e ele nem examinou meu filho. Ele simplesmente só começou a perguntar para mim o que ele tinha. Ele perguntou se eu tinha olhado a garganta do meu filho. Quem tinha que olhar era ele, o médico era ele”, afirmou.

Além de “sorvete de chocolate 2x por dia” e “Free Fire Diário”, Marcos Wesley Silva prescreveu amoxicilina, ibuprofeno, dipirona, prednisolona e acetilcisteína.

“Ele só passou esse monte de medicamento, sem me falar explicação nenhuma sobre cada um deles”, disse Priscila. “Eu fui para casa mas, até então, não tinha visto a receita lá no momento. Eu só fui ver a receita em casa quando falei com a minha irmã no outro dia. Aí estava lá. Como vai receitar sorvete de chocolate para um menino com dor de garganta?”, afirmou.

Priscila afirma que, durante a consulta, o médico perguntou se o menino preferia sorvete de chocolate ou de morango.

“Ele perguntou para o meu filho se ele gostava de sorvete. Meu filho falou que sim. E ele perguntou para o meu filho se era de sorvete ou chocolate. Aí o médico prescreveu. Só que eu nunca imaginava que ele ia prescrever na receita isso aí. Eu nunca imaginei.”

Marcos Wesley Ramos tem o registro ativo, de acordo com o Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo. No carimbo que usou na receita, consta que ele é neurologista. No site do Cremesp, no entanto, consta que não possui especialidade registrada.

Metropoles

  Publicado em: Política

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Busca no Blog

Arquivos